Inicio do conteúdo site.
Resultado de campeão, cabeça de campeão: entrevista com Daiane dos Santos, campeã mundial de ginástica artística

Daiane dos Santos, a primeira brasileira campeã mundial de Ginástica Artística, em 2003, na Alemanha, é a convidada do “Pensando o Brasil com Adalberto Piotto”, pela TV CIEE.

Na conversa, ela fala da sua vitoriosa carreira de ginasta e da história dos dois movimentos que ela criou para vencer o Mundial e a Copa do mundo da modalidade – o duplo twist carpado e o duplo twist esticado. Dada a inovação e a perícia com que foram executados, a Federação Internacional de Ginástica decidiu dar o nome “dos Santos” aos dois movimentos criados e apresentados por Daiane, tal como estrelas ganham nomes de astrônomos e vacinas, a de cientistas.

Ela também fala da importância da psicologia no preparo do atleta, na lógica multidisciplinar que foi adotada nos esportes e no poder do preparo mental para competições de alto rendimento, algo que vem sendo utilizado também em outras áreas profissionais.

“Pra ter resultado de campeão, tem de ter cabeça de campeão”, diz ela.
Em um ano de Jogos Olímpicos adiados por causa da pandemia de Coronavírus, Daiane dos Santos ainda enfatiza a importância do preparo mental do atleta para lidar com as diferentes pressões e controlar a ansiedade, usando-a para melhorar o desempenho.

Na entrevista, ela também fala de seus trabalhos depois de deixar de competir, em 2012. Daiane é embaixadora do Instituto Trata Brasil – dedicado a apontar soluções para o setor – e entre palestras e trabalhos como influenciadora esportiva, ela está à frente do projeto social “Brasileirinhos”, em que alia o esporte como indutor de cidadania para crianças.