Aniversário da Lei de Cotas para Pessoas com Deficiência

10 de agosto de 2018
São 27 anos de história para promover a inclusão no mundo do trabalho

No dia 24 de julho de 2018, o CIEE participou da comemoração do 27º aniversário da lei 8213/91, mais conhecida como lei de cotas para pessoas com deficiência (PCD). No evento, foram debatidos temas como os avanços e desafios da inclusão. A legislação prevê que empresas com mais de 100 colaboradores são obrigadas a contratar profissionais com deficiência, obedecendo ao percentual que varia de 2 a 5% de acordo com o número de colaboradores.

O alcance dessa medida é maior do que muitos imaginam. De acordo com a edição mais recente no Censo do IBGE, há mais de 45 milhões de pessoas com deficiência no Brasil. Deste total, aproximadamente um quarto está apto para ingressar no mundo do trabalho.

Além da cota propriamente dita, a lei ajudou a criar uma tendência de valorização da diversidade no ambiente corporativo que continua a abrir novas perspectivas de inclusão para quem ainda sofre discriminação. Com o amplo acesso à informação, multiplicam-se relatos de histórias de vida que colocam por terra os preconceitos que antes eram barreiras difíceis de serem superadas.

O CIEE auxilia gratuitamente pessoas com deficiência a encontrarem vagas de estágio, aprendizado e também cargos efetivos com o seu perfil por meio do Inclui CIEE, que já encaminhou para contratação aproximadamente 9 mil estagiários e aprendizes com deficiência física ou intelectual, desde 1999. Vários deles estão em capacitação, integrando programas inclusivos em organizações parceiras, como a Câmara Municipal de São Paulo, a Embraer e o McDonald’s.

“O CIEE tem sido um parceiro fundamental nessa luta, oferecendo chances para que pessoas com deficiência possam começar sua carreira”, comenta José Carlos do Carmo, coordenador do projeto de Inclusão da Superintendência do Trabalho Regional São Paulo (STR-SP) e da Câmara Paulista de Inclusão. O CIEE já auxiliou de maneira gratuita aproximadamente 9 mil jovens com deficiência a encontrarem vagas de estágio, aprendizado e também cargos efetivos com o seu perfil por meio do Inclui CIEE.