Inicio do conteúdo site.
Jovens no Espaço de Cidadania
Temática identidade é desenvolvida com os participantes no eixo Convivência / Divulgação CIEE

Adolescentes dos Espaços de Cidadania criam pinturas coletivas em São Paulo e em Manaus

23 de agosto de 2019
Identidade individual e coletiva foi trabalhada durante a atividade, por meio de símbolos de acordo com as características dos jovens

O dicionário define identidade como o “conjunto de características que distinguem uma pessoa ou uma coisa e por meio das quais é possível individualizá-la”. Como forma de trabalhar o tema, os profissionais dos Espaços de Cidadania do CIEE desenvolveram uma atividade de pintura livre com os adolescentes. No Espaço do Grajaú, em São Paulo/SP, o grupo de conviventes da manhã, que utilizam a palavra “biscoito” como forma carinhosa de tratamento, produziu uma pintura que retrata vários biscoitos felizes, cada um à sua maneira. Mais ligados à tecnologia, os adolescentes que frequentam o Espaço à tarde, pintaram um grande celular e vários aplicativos. Já em Manaus, os jovens optaram por um sentido mais amplo, pintando um grande planeta.

“Propomos uma atividade na qual os adolescentes buscam expressar graficamente os símbolos que os representam individualmente e o que os caracteriza enquanto grupo, produzindo então uma pintura coletiva. Cada indivíduo tem características únicas, mas por sermos seres sociais também temos uma identidade coletiva”, explicou a gerente de Projetos Sociais do CIEE, Luana Bottini. 

De acordo com cronograma estabelecido pelos profissionais da Superintendência de Ação Social e Filantropia do CIEE,  a temática identidade é desenvolvida com os participantes no eixo Convivência, visando estimular a formação de vínculos e estreitar os relacionamentos entre os conviventes. 

O que são os Espaços de Cidadania do CIEE?

Espaços de Cidadania são unidades do CIEE dedicadas à oferta de ações socioassistenciais gratuitas para o público em situação de vulnerabilidade e risco social e pessoal, com objetivo de fortalecer a convivência social, a participação cidadã, o retorno ou permanência na escola e uma formação geral para o mundo do trabalho. O público-alvo é encaminhado prioritariamente pela rede socioassistencial, como os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centros de Referência Especializados de Assistência Social (CREAS). 

Saiba mais sobre os Espaços de Cidadania