Inicio do conteúdo site.
Supervisor Wesley Teles, consultores e adolescentes
Supervisor Wesley Teles, consultores e adolescentes / Midiã Ferreira Lima

Espaços de Cidadania recebem colaboradores do CIEE para trabalho integrado

29 de novembro de 2019
Consultores de atendimento e Operadores da Central se aproximam dos jovens que desejam uma oportunidade no mundo do trabalho

Mais um final de ciclo dos Espaços de Cidadania se aproxima, período em que os jovens ficam ansiosos para identificar os próximos projetos que irão se engajar – e o desejo de muitos continua sendo conseguir uma colocação profissional.

É chegado o momento de dialogarem a respeito do mundo do trabalho, após terem pensado a cidade e sociedade nas quais estão inseridos, refletido a respeito de identidade pessoal e coletiva, convivência harmônica e respeitosa, direitos humanos, e terem se experimentado em diversas oficinas de arte e cultura.

No eixo ‘mundo do trabalho’, são tratadas temáticas como elaboração de currículo, etapas de processos seletivos, posturas adequadas, trabalho em equipe e responsabilidades. Eles também recebem a visita dos operadores das Centrais de Atendimento do CIEE, para uma experiência mais próxima com os conviventes através do apadrinhamento.

Os operadores se aproximam dos jovens dos Espaços, escutam suas histórias de vida, seus desejos profissionais e dividem quem vai ficar responsável por quais jovens para priorizá-los nas oportunidades de trabalho, em acordo com suas habilidades e expectativas. Nos dias 21/11 e 25/11 foram visitados respectivamente os Espaços de Cidadania do Grajaú/SP e de Taguatinga/DF.

Para o sucesso nos encaminhamentos e inserção dos jovens no mundo do trabalho, o envolvimento dos Consultores de Atendimento também é fundamental. São eles os responsáveis pelo atendimento direto às empresas, com a responsabilidade de sensibilizar os empresários e gestores de Recursos Humanos para a importância da contratação dos jovens em situação de vulnerabilidade social, flexibilizando alguns critérios dos processos seletivos como idade, escolaridade e comprovante de residência.

O consultor Hudson de Souza Ribeiro vibra a cada contratação: “Fico feliz em saber que os empresários têm se mobilizado, o que faz com que o índice de aprovação nos processos seletivos dos adolescentes que participam dos Espaços seja alto.”

Só nessa semana, foram inseridos 23 adolescentes em vagas de aprendizagem em empresas como LATAM, Via Veneto, Distribuidora Automotiva, Brooksdonna, Atual Cargas, Lumi Software, Polimaq e Tool Box.

O trabalho em conjunto de todas as áreas do CIEE evidencia-se em números:  já são 229 contratações de conviventes oriundos dos Espaços de Cidadania, 158 concretizadas pela parceria com as Centrais de Atendimento e os Consultores do CIEE. Um número de contratados que aumenta a cada dia.