Inicio do conteúdo site.
Luiz Gustavo Coppola, superintendente Nacional de Atendimento do CIEE, e Luís Otávio Camargo, da Sobratt, em encontro realizado no CIEE
Luiz Gustavo Coppola, superintendente Nacional de Atendimento do CIEE, e Luís Otávio Camargo, da Sobratt, em encontro realizado no CIEE / Edith Schmidt/Divulgação CIEE

Acordo de cooperação com Sobratt tem foco na promoção do trabalho a distância

12 de julho de 2021
Intuito é difundir informações sobre o estágio remoto para as empresas associadas

Aproveitar todo o potencial e o desenvolvimento dos programas de estágio e aprendizagem no ‘novo normal’, em que as relações de trabalho e estudo a distância tem se fortalecido a cada dia. Este é o objetivo de uma parceria assinada entre o CIEE e a Sociedade Brasileira de Teletrabalho (Sobratt).

“Buscamos ampliar nosso portfólio para os associados da Sobratt. Levar informações, webinars e conteúdos falando do estágio remoto e sua legalidade. Criaremos uma cartilha conjunta entre CIEE e Sobratt com orientações e aspectos legais desta atividade”, explicou o gerente Regional do CIEE em São Paulo, Luiz Douglas de Souza

Para Luís Otávio Camargo Pinto, responsável pela Sobratt, o acordo significa um estímulo para que as empresas associadas busquem no teletrabalho oportunidades para inclusão dos jovens, colaborando para o surgimento de novos modelos de trabalho. Assim, o intuito também desmistificar antigos conceitos de gestão e introduzir as melhores práticas no ambiente virtual para empresas e instituições de ensino.

“Em qualquer programa de estágio, o que se busca é propiciar ao estudante uma importante vivência prática. Nesse caminhar, as boas práticas que deverão ser desenvolvidas pelas empresas consistirão em criar no ambiente remoto a tão necessária oferta de feedbacks; estímulo ao formato híbrido ou misto para o desenvolvimento das atividades, como forma de não perder importantes conexões que melhor se desenvolvem na modalidade presencial,  além de boas ferramentas de trabalho e infraestrutura para que os programas de estágios possam se desenvolver em sua plenitude”, explicou.