Inicio do conteúdo site.

CIEE Ceará promove capacitação para jovens na Defensoria do Estado

2 de outubro de 2018

O Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) de Fortaleza, em parceria com o Núcleo de Defesa dos Direitos da Infância e da Juventude (Nadij) promoveram no dia 21/09/18 uma palestra para 40  jovens entre 14 e 17 anos oriundos de casas de acolhimento.

Foram repassadas as informações sobre a Lei da Aprendizagem, elaboração de currículo e dicas de apresentação pessoal durante entrevistas de emprego. Os participantes também puderam tirar dúvidas sobre o ambiente profissional. A formação ocorreu no auditório Jesus Xavier de Brito, na sede da Defensoria Pública do Estado do Ceará.

No final da capacitação, todos os jovens preencheram um cadastro que vai integrar o banco de dados do CIEE. A partir disso, eles já poderão ser encaminhados para vagas de trabalho. Também estão programadas oficinas no mês de outubro, a fim de promover orientações práticas para quem está em busca da primeira oportunidade profissional. “Nosso objetivo é dar autonomia a esses jovens através do trabalho. Eles vêm de uma situação de vulnerabilidade social e não têm perspectivas de moradia ou adoção. Essa parceria vai apontar novos horizontes”, explica a defensora pública  e titular do Nadij, Ana Cristina Barreto.

A assistente social do CIEE, Bruna França, ministrou a capacitação. “Trabalhamos a empregabilidade, currículo e dinâmica de entrevista de emprego. Caso eles desejem, passarão por uma triagem para as próximas oficinas, onde treinarão a fala, a escrita e o trabalho em grupo, por exemplo”. Para Edval Mendonça, supervisor de operação do CIEE, a parceria com o Nadij é oportuna. “É importante porque traz a abertura com esse jovem. A transformação social acontece através de educação e trabalho. Aqui conseguimos trabalhar diretamente com eles e permitir novos objetivos para eles”.

Com informações da Defensoria Pública do Ceará. 

Ana Cristina Barreto (Defensora Pública), Edval Mendonça dos Santos Filho (Supervisor de Unidade de Operação do CIEE); Adriano Leitinho (Defensor Público) e Rosilene Souza (Assistente Social).

Tags: Inclusão